Governador de São Paulo, João Doria Jr (PSDB)
Agência Brasil
Governador de São Paulo, João Doria Jr (PSDB)

No próximo sábado (12), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) planeja participar de mais uma ' motociata ' com apoiadores do governo em São Paulo, capital. Em coletiva dada nesta quarta-feira (9), o governador do Estado, João Doria (PSDB),  disse que o presidente será multado se participar do evento sem o uso de máscara de proteção .

"Ele será multado como qualquer outro cidadão que não usar máscara", declarou o governador no Palácio dos Bandeirantes.

Bolsonaro já participou de dois eventos parecidos, o primeiro em 9 de maio, em Brasília, e o segundo na cidade do Rio de Janeiro, no último dia 23 de maio. Em ambos os atos, Bolsonaro não fez uso de máscaras .

Citando as manifestações contrárias ao governo que aconteceram no dia 29 de maio, Doria afirmou que “todos estavam com máscara”. “As pessoas respeitaram a determinação do Governo do Estado de São Paulo”, disse.

No ato do próximo sábado, o presidente prevê a participação de 100 mil motos que farão um percurso de 120 quilômetros. 

O coordenador executivo do Centro de Contingência da Covid-19 , João Gabbardo, se posicionou contra a manifestação pretendida por Bolsonaro, mas afastou um possível posicionamento ideológico. Segundo ele, o Centro de Contingência “é absolutamente contrários a qualquer tipo de manifestação, seja do lado A ou do lado B”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários