Vice-presidente Hamilton Mourão
O Antagonista
Vice-presidente Hamilton Mourão

Nesta quarta-feira (14), o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB), ao comentar sobre fala do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), que diz que "impeachment de ministros do Supremo Tribunal Federal é revanchismo”, Mourão entende que no mundo político “nada funciona igual relógio”. As informações foram apuradas pelo Metrópoles.

“Isso é um problema que está na mão do Legislativo. Eu deixei claro que cada um dos Poderes que a gente convive harmonicamente têm que saber o tamanho da sua cadeira. Então, não vou ficar comentando fatos que são pertinentes do Legislativo”, declarou.

O vice-presidente ressaltou que os tempos são considerados difíceis e conturbados, mesmo antes da pandemia do novo coronavírus . “Obviamente, ocorrem essas fricções, que, na minha visão, são normais”, afirmou.

Ele ainda diz: “No mundo político, nada funciona igual a um relógio. Então, a fricção é algo que acontece, e a gente tem que saber fazer uma aproximação, contemporizar e buscar sempre alinhar as percepções e ter a melhor linha de ação para solucionar os problemas do Brasil em conjunto”.

Com a liberação da CPI da Covid , o presidente Bolsonaro insinuou que poderia colocar em prática, pedidos de impeachment de membros do Supremo Tribunal Federal ( STF ). “No Senado, tem pedidos de impeachment de ministro do Supremo”, disse Bolsonaro.

Encabeçado pelo senador Jorge Kajuru (Cidadania-GO), um pedido de impeachment do ministro Alexandre de Moraes foi enviado como uma resposta a abertura da CPI da Covid. O Cidadania se manifestou e “convidou" o senador a se retirar, devido a pressão criada pela Corte.

“Foi essa CPI, com esse objeto, que o STF, em decisão liminar tomada em mandado de segurança coletivo impetrado pelo Cidadania, mandou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), instalar. O ministro Luís Roberto Barroso seguiu jurisprudência já estabelecida na Corte, garantindo um direito constitucional da oposição no Congresso Nacional”, declarou o partido.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários