Firmino Filho, ex-prefeito de Teresina
Renato Bezerra/Prefeitura de Teresina
Firmino Filho, ex-prefeito de Teresina

O ex-prefeito de Teresina , Firmino Filho , foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (6) à frente da portaria de um prédio na zona Leste da capital piauiense. A polícia ainda investiga o caso, mas a assessoria de imprensa de Firmino diz que ele teria caído do edifício. A informação é do G1 Piauí.

A possibilidade de uma queda ainda foi confirmada pelos investigadores e a suspeita é que o ex-prefeito possa ter cometido suicídio. O corpo foi encontrado no prédio onde funciona o Tribunal de Contas da União (TCU), onde Firmino era servidor de carreira.

Firmino da Silveira Soares Filho tinha 57 anos, era economista, político filiado ao PSDB e professor da Universidade Federal do Piauí (UFPI). Ele foi quatro vezes prefeito de Teresina. Foi eleito, pela primeira vez em 1996, com 33 anos, reeleito em 2000 e voltou a vencer a disputa municipal em 2012 e reeleito novamente em 2016. Seu mandato terminou no ano passado.

O político também foi deputado estadual e vereador de Teresina. O presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, lamentou a morte de Firmino Filho. "Brilhante administrador", declarou.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), se manifestou sobre a morte de Firmino e prestou solidariedade à família. "Recebo com muito pesar a notícia da trágica morte do ex-prefeito de Teresina, Firmino Filho. Minha solidariedade à família e seus amigos", escreveu o tucano em uma publicação no Twitter.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários