Jair Bolsonaro (sem partido) ao lado do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco
Reprodução TV Câmara
Jair Bolsonaro (sem partido) ao lado do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) foi confrontado por parlamentares da oposição antes de discursar em evento que marca o início do ano legislativo no Brasil nesta quarta-feira (3)

“Golpista” e “fascista” foram algumas das ofensas dirigidas ao chefe do executivo. Parlamentares levaram camisetas e placas com os dizeres “Fora genocida”.

Confira:


Você viu?

Parlamentares do PSOL protestam contra Bolsonaro no plenário
Reprodução
Parlamentares do PSOL protestam contra Bolsonaro no plenário


Em resposta, apoiadores de Bolsonaro ecoaram o grito de “mito”. O presidente do Senado , Rodrigo Pacheco ( DEM ) pediu que a segurança impedisse as manifestações contrárias, e agradeceu a presença do presidente:

 "peço a segurança que possa garantir a ordem dos trabalhos e a palavra ao presidente da república, que em respeito ao congresso nacional comparece a esta casa para fazer o seu pronunciamento e entrega da mensagem”.

Provocador, Bolsonaro retrucou a oposição presente: “nos encontramos em 2022”, fazendo a referência a próxima eleição presidencial.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários