Candidatos à prefeitura de SP, Guilherme Boulos (PSOL) e Bruno Covas (PSDB)
Arte iG
Último debate, que ocorreria nessa sexta-feira (27) nos estúdios da Rede Globo, foi cancelado devido ao diagnóstico positivo do candidato Guilherme Boulos (PSOL)

Após o debate dos candidatos à prefeitura de São Paulo desta sexta-feira (27) ser cancelado devido ao diagnóstico de Covid-19 de Guilherme Boulos , a campanha dos dois pleiteantes solicitaram à Globo a realização do debate de forma remota.

O portal iG apurou com a assessoria dos candidatos, que confirmaram o pedido à emissora.

A globo, porém, reiterou em nota que mantém o cancelamento, já que foi previamente assinado pelas assessorias dos dois candidatos que o debate deveria acontecer apenas de forma presencial.

“A alternativa de fazer um debate de forma remota não é possível. Os candidatos precisam ser tratados de forma equânime e ter as mesmas condições, e o público precisa perceber isso. Um candidato pode injustamente ser acusado de estar com ponto eletrônico, de estar recebendo ajuda de assessores, por exemplo. A transmissão pode cair num momento importante do debate, e a Globo ser injustamente acusada de ser a culpada ou, da mesma forma, e também de forma injusta, o candidato ou sua campanha serem acusados de terem provocado a interrupção para fugir de um momento difícil", disse a emissora em nota à reportagem.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários