Agência Pública

Jair Bolsonaro_img50_header

Mapeamento da Agência Pública com todos os pedidos de impeachment de Bolsonaro.

Ao todo, 524 pessoas e organizações assinaram pedidos de impeachment do presidente Jair Bolsonaro até o final de maio. Dos 41 pedidos enviados ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, apenas um foi arquivado até hoje.

Qualquer cidadão pode entrar com um pedido de impeachment do presidente, desde que justifique o motivo com base na lei 1.079/50, conhecida como Lei do Impeachment. Não existe um rito ou obrigação para que a Câmara dos Deputados coloque o pedido em votação. Por isso, o mais antigo está em análise na mesa de Rodrigo Maia há mais de 440 dias.  

O tema mais recorrente entre os pedidos é a acusação de interferência na PF – prova que as denúncias de Sergio Moro geraram grande incômodo em atores políticos e na cidadania. Desde a saída de Moro, foram 13 novos pedidos. Outros temas recorrentes são: apologia à ditadura militar, presença em manifestações antidemocraticas, ataques à imprensa e a postura diante da pandemia do coronavírus. 

Leia também: Bolsonaro critica notícias: 'Tudo aponta para uma crise'

Os autores são de todos os matizes políticos e incluem ex-aliados de Bolsonaro, como os deputados federais Joice Hasselman (PSL) e Alexandre Frota (PSDB). Em 21 de maio, uma coalizão rara nos partidos de esquerda, protocolou um pedido assinado pelo PT, PSOL, PCdoB, PSTU,PCB,PCO e UP, com o apoio de 400 organizações civis.

Mas há  também 29 pedidos de pessoas comuns, como a brasiliense Neide Lamar que, indignada com o fato do presidente quebrar o isolamento social decretado na sua cidade, foi até o Congresso duas vezes acompanhada do irmão e da mãe.

Essa ferramenta permite a qualquer pessoa explorar os pedidos de impeachment que estão sob análise, conhecer o que pensam seus autores, e pedir à presidência da Câmara para acompanhar o andamento.

Reunimos os pedidos idênticos no mesmo texto e privilegiamos o pedido mais recente daqueles proponentes que fizeram mais de um.

Confira todos os pedidos em:  Os pedidos de impeachment de Bolsonaro

    Veja Também

      Mostrar mais