Presidente Jair Bolsonaro
Fotoarena / Agência O Globo
Presidente Jair Bolsonaro

Um dia depois do ato na Praça dos Três Poderes com palavras de ordem contra o Congresso e o Supremo Tribunal Federal (STF) e agressões a jornalistas, o presidente Jair Bolsonaro disse que a manifestação de domingo foi democrática.

Bolsonaro disse, nesta segunda-feira (4), que não viu jornalista sendo agredido, mas declarou que, se ocorreu, foi coisa de "infiltrado" e que a conduta do agresor merece ser punida.

Leia também: Igreja e governo fecham acordo para realizar missas na Itália

"Eu não vi nada. Estava dentro do Palácio. Recriminamos qualquer agressão que porventura tenha havido. Se houve agressão, é alguém que está infiltrado, algum maluco e deve ser punido. Não existe agressão. Agora vaia e apupo é parte da democracia", disse o presidente na portaria do Palácio da Alvorada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários