Governador participou de evento sobre o coronavírus nesta quinta-feira
Governo do Estado de São Paulo
Governador participou de evento sobre o coronavírus nesta quinta-feira

Nesta quinta-feira (5), o governador João Doria se reuniu com representantes das 645 cidades do estado de São Paulo para definir um plano de medidas de prevenção e assistência para os casos do coronavírus que já surgiram no país.

Leia também: Maior que o Monte Everest, asteroide vai passar perto da Terra em abril

“Peço aos prefeitos e prefeitas que ajudem na disseminação de informações claras, precisas e objetivas sobre o coronavírus . Não há razão nenhuma para pânico, interrupção de aulas, trabalho, atividades esportivas ou espetáculos. A ação mais recomendada pelos especialistas é a prevenção”, disse Doria , durante o evento no Palácio dos Bandeirantes.

O Secretário de Estado da Saúde , José Henrique Germann, falou sobre o fluxo de atendimento no SUS e a atuação do Centro de Contingência do coronavírus, coordenado pelo médico infectologista David Uip , e do Comitê de Operações de Emergência. Até o momento, os três casos registrados foram na capital paulista e todos estão estáveis e em isolamento domiliciar. Outros 135 são monitorados como suspeitos e há ainda 131 que já foram descartados.

Você viu?

No evento, também foram apresentados os principais sintomas e as possíveis complicações da doença. Germann reforçou a importância da higiene pessoal para evitar a disseminação e disse que cabe aos serviços municipais monitorar a população e notificar casos suspeitos. Se estes se enquadrarem nos critérios de suspeita, haverá coleta de amostras para exames no Instituto Adolfo Lutz.

Combate a fake news

O Governo do Estado distribuiu também um guia com informações de conscientização e prevenção ao coronavírus, que também está à disposição das prefeituras para uso e divulgação.

Leia também: Passageiro denuncia ter sofrido agulhada em trem da SuperVia no Rio de Janeiro

O objetivo é evitar que informações falsas, as chamadas "fake news" não sejam disseminadas entre a população. Recentemente, muitos dados errôneos de forma de prevenção e combate ao coronavírus têm sido divulgados e, posteriormente, negados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários