Presidente Bolsonaro sentado em reunião ao lado de Moro e Fernando Azevedo
Marcos Corrêa/PR
Bolsonaro teve reunião com ministros para discutir operação de GLO no Ceará

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu nesta quinta-feira (27) com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, e outros chefes de pastas relacionados à segurança para discutir a operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) no Ceará . O estado enfrente uma crise na área da segurança pública depois policiais militares (PMs) e bombeiros entraram em greve po reajuste salarial.

Ao sair da reunião, o presidente adotou silêncio e não conversou com jornalistas. Bolsonaro não se pronunciou publicamente desde que a crise do governo federal com o Legislativo e o Judiciário ficou mais tensa. Isso porque ele compartilhou dois vídeos pelo WhatsApp que convocavam seus apoiadores a pariticipar de uma manifestação em sua defesa no dia 15 de março e faziam críticas ao Congresso Nacional.

Leia também: Deputados marcam reunião para dar resposta a vídeo enviado por Bolsonaro

No encontro, também estavam presentes os ministros Sergio Moro (Justiça e Segurança Pública), André Mendonça (Advocacia-Geral da União), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Braga Netto (Casa Civil), bem como os comandantes do Exército e da Marinha e um representante da FAB (Força Aérea Brasileira).

O único que conversou com a imprensa foi Fernando Azevedo, que disse que Bolsonaro ainda não decidiu se vai prorrogar a presença do Exécrito no Ceará. A possibilidade é considerada após pedido do governador Camilo Santana (PT), já que o prazo vence nesta sexta (28).

    Veja Também

      Mostrar mais