Antonio Anastasia
Pedro França/Agência Senado
Antonio Anastasia troca o PSDB pelo PSD


O senador Antonio Anastasia não faz mais parte do quadro político do PSDB. Na última quinta-feira (6), o parlamentar informou o presidente do partido, Bruno Araújo, que pretende se disfiliar para migrar para o PSD, sigla criada e comandada pelo ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.

Leia também: Ministros do STF dizem que Senado deve cumprir decisão que cassou Selma Arruda

Com a filiação ao PSD, Anastasia deve apoiar a reeleição de Alexandre Kalil à prefeitura de Belo Horizonte. O prefeito foi eleito pelo PHS, mas migrou para o PSD durante o seu mandato. Em troca, Kalil deve apoiar o parlamentar nas eleições de 2022, ou para o governo de Minas Gerais ou pela reeleição ao Senado.

Leia também: Alcolumbre não considera prioritária proposta que limita mandatos no STF

Ex-governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia fez carreira política no Estado e teve a carreira alavancada por Aécio Neves, de quem foi vice e depois sucessor.

As denúncias contra o agora deputado federal, entretanto, fizeram com que a carreira do senador também ficasse manchada, não conseguindo se eleger governador em 2018.

Leia também: Jorge Kajuru usa tribuna do Senado para dizer que é boicotado por Alcolumbre

Com a saída de Anastasia, o PSDB perde também a vice-presidência do Senado. Agora, o partido fica com sete senadores, enquanto o PSD passa a ter dez.

    Veja Também

      Mostrar mais