Tamanho do texto

Vereador tem trocado farpas com jornais que publicam conteúdos sobre PSL. Colunistas e jornais de grande circulação estão na mira de Carlos Bolsonaro

Carlos Bolsonaro arrow-options
Reprodução/Youtube
O vereador Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) tem respondido de forma arisca aos jornais que produzem conteúdos sobre sua família ou escândalos envolvendo o PSL.

O vereador e filho do presidente, Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), respondeu nesta segunda-feira (28) à uma matéria veiculada pelo jornal Correio Braziliense a respeito da crise do PSL com a hashtag #teuc*.

Leia também: Carlos rebate pai Jair e diz que não publicou vídeo de hienas: "ele mesmo o fez"

A matéria se tratava especificamente sobre depoimentos de assessores que expuseram ainda mais os filhos do presidente Jair Bolsonaro (PSL) . As suspeitas de que a estrutura da sede do governo estaria sendo usada para comandar uma série de perfis falsos nas redes sociais com o intuito de espalhar fake news também consta na matéria. 

A resposta desta segunda (28) não foi a primeira rebatida à imprensa por Carlos Bolsonaro . A coluna de Mônica Bergamo compartilhou uma imagem humorística de Renato Terra a respeito de um vídeo compartilhado no twitter do presidente Jair Bolsonaro, no qual um leão estava cercado por hienas. 

Leia também: Justiça manda prender de novo Garotinho e a mulher dele Rosinha Matheus

A postagem de Mônica em sua conta oficial do twitter dizia: "Carluxo @CarlosBolsonaro, indicado para a embaixada de Hollywood pelo pai, posta vídeo em que hienas atacam Pavão Misterioso. (Humor - Renato Terra)". 

Em seguida, o vereador rebateu: "Fakenews! A narrativa de vocês condiz com o caráter!". O jornal O Globo também foi alvo de críticas de Carlos Bolsonaro . Em uma matéria sobre denúncias que apontavam para o uso de robôs nas redes bolsonaristas, Carlos Bolsonaro postou vários emojis com robozinhos.