Wilson Witzel
Roberto Casimiro / Agência O Globo
Wilson Witzel apresentou sua dissertação de mestrado em 2010

A dissertação de mestrado em Direito Processual Civil do governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, tem mais de 60 parágrafos copiados de outros autores, segundo investigação da BBC News Brasil . De acordo com o site, há no trabalho de Witzel até mesmo um artigo e um capítulo copiados na íntegra.

Leia também: Governador de Minas Gerais homenageia a si mesmo

O ex-juiz Wilson Witzel defendeu sua dissertação em 2010 na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES). O trabalho “Medida Cautelar Fiscal” trata da cobrança de dívidas fiscais por via judicial. Nele, de acordo com a apuração da BBC , 63 parágrafos são copiados de seis autores. 

Entre estes autores, cinco sequer são citados na bibliografia da dissertação. O único cujo nome aparece nas referências, é citado por outro texto, não o utilizado por Witzel. Somados, os trechos copiados equivalem a 19 das 118 páginas do miolo. Isto representa 16% do trabalho.

Leia também: Deputados protocolam pedido de CPI para investigar Sergio Moro

À BBC , a assessoria de Wilson Witzel afirmou que “como toda obra acadêmica, a tese de Witzel se utiliza de citações de diferentes autores e fontes que compõem a abordagem teórica sobre o tema". Os trechos em questão, no entanto, não citam as fontes.

Em nota, a UFES informou que investigará o caso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários