Tamanho do texto

Desde que foi indicado, Aras vem trabalhando para diminuir as resistências internas ao seu nome. Nota que declara apoio foi divulgada nesta manhã

Aras arrow-options
Roberto Jayme/TSE
O MPM declarou, através de nota, apoio à indicação de Aras para o comando da PGR.

O Ministério Público Militar (MPM) divulgou uma nota declarando apoio à indicação de Augusto Aras para o comando da Procuradoria-Geral da República (PGR). A nota foi lida na manhã desta terça-feira (10) pelo subprocurador-geral de Justiça Militar, Marcelo Weitzel, no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Leia também: Doria rebate Carlos Bolsonaro:"único caminho para o Brasil é a democracia"

Desde que foi indicado, Aras vem trabalhando para diminuir as resistências internas ao seu nome. Como novo PGR , ele terá a função de comandar o Ministério Público da União (MPU), que engloba o MPM, e administrar questões orçamentárias envolvendo os ramos do MPU – composto pelo Ministério Público do Trabalho e pelo Ministério Público do Distrito Federal e Territórios.

A nota diz que o MPM “vem a público manifestar seu apoio à indicação” e exalta a trajetória profissional de Aras . ”O indicado certamente conta com experiência bastante para o exercício de tão nobre ofício, que compreende não somente a busca da justiça em prol da sociedade brasileira, mas também relevante tarefa de chefiar o Ministério Público da União (MPU),completa a nota.