Tamanho do texto

Presidente volta ao clima de campanha e ataca movimentos de esquerda durante evento no Piauí

Bolsonaro arrow-options
Alan Santos/PR
Em evento no Piauí, Bolsonaro atacou movimentos de esquerda.

O presidente Jair Bolsonaro entrou mais uma vez em clima de campanha em agenda no Piauí e disse nesta quarta-feira que "nas próximas eleições vamos varrer essa turma vermelha do Brasil". Bolsonaro fez a declaração durante discurso na inauguração de uma escola do Serviço Social do Comércio (Sesc), em Parnaíba, segunda maior cidade do Piauí. A escola teria o nome do presidente, mas acabou batizada em cima da hora de Escola Militar do Sesc, pois segundo do Sesc, Bolsonaro não autorizou o uso do nome dele.

Leia também: Bolsonaro age como ditadores ao demitir mais um secretário de comunicação 

— O Mão Santa me disse agora há pouco que nós vamos acabar com o cocô no Brasil. O cocô é essa raça de corruptos e comunistas . Nas próximas eleições, vamos varrer essa turma vermelha do Brasil. Já que na Venezuela está bom, vou mandar essa cambada para lá. Quem quiser um pouco mais para o norte, vai até Cuba , lá deve ser muito bom também.

No evento, Bolsonaro foi recebido por simpatizantes aos gritos de "a nossa bandeira jamais será vermelha". O grito de guerra também foi muito usado durante a campanha eleitoral.