Tamanho do texto

Ex-presidente agradeceu 'gesto de solidariedade' de parlamentares e afirmou que presenciou 'defesa do Estado Democrático de Direito'

Maia arrow-options
Reprodução/Twitter
Parlamentares entregaram carta de Lula a Maia nessa terça-feira

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva escreveu uma carta ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e a outros 14 parlamentares para agradecer pelo esforço para evitar sua transferência para o presídio de Tremembé , em São Paulo. O documento foi entregue a Maia por deputados do PT, PSOL, PCdoB, PDT e PSB na tarde de terça-feira (13). 

Lula agradeceu o "gesto de solidariedade" de todos os parlamentares que participaram do ato contra "mais uma arbitrariedade" da Vara de Execuções Penais. Além de Rodrigo Maia, o ex-presidente também citou o vice-presidente Marcos Pereira (PRB-SP), líderes de partidos aliados e os presidentes do PT, Gleisi Hoffmann, e do PDT, Carlos Lupi. 

"Manifesto que assisti a uma oportuna e inequívoca demonstração de defesa das garantias individuais e do Estado Democrático de Direito", escreveu o petista. Leia a carta na íntegra: 

Lula arrow-options
Reprodução
Lula agradeceu aos parlamentares pelo esforço

Maia e outros parlamentares atuaram para que o Supremo Tribunal Federal (STF) derrubasse a decisão da juíza Carolina Lebbos, que autorizou a transferência do ex-presidente para São Paulo. O plenário do Supremo vetou a decisão por 10 votos a 1.]

Leia também: Vereadores de São Paulo podem votar projeto de 18 anos para acabar com recesso

Na ocasião, o presidente da Câmara disse que a medida era "extemporânea" e se colocou à disposição para que "o direito do ex-presidente" fosse garantido. 



    Leia tudo sobre: Lula