Tamanho do texto

Acusado da morte de pastor, Souza estava reclamando de enxaqueca e problema de pressão. Ele tomou duas medicações: uma intravenosa e outra muscular.

Ambulância
Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Equipe do SAMU deixa delegacia após prestar atendimento a Flávio Souza








Leia mais: Flordelis e mais três filhas teriam envolvimento na morte de pastor

Dois socorristas do Samu acabaram de sair da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI) para prestar atendimento a Flavio Rodrigues de Souza, 38 anos, filho da deputada federal Flordelis . Este é o quarto atendimento prestado só nesta semana ao investigado pela morte do pastor Anderson do Carmo.

Souza estava reclamando de enxaqueca e problema de pressão. Ele tomou duas medicações: uma intravenosa e outra muscular. Os paramédicos saíram sem dar detalhes para a imprensa, apenas disseram: “Ele está bem”.

Polícia
Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Flávio Souza teve quatro atendimentos médicos em seis dias




A deputada federal Flordelis (PSD/RJ) afirmou, por meio da assessoria, que prestará esclarecimentos como testemunha à Delegacia de Homicídios Niteroi e São Gonçalo (DHNSG) na próxima segunda-feira, dia 24. A parlamentar foi intimida a prestar um segundo depoimento

“Embora, como parlamentar, a deputada tenha a prerrogativa de escolher o dia e o local do depoimento, ela decidiu aceitar o convite nos termos formulados pela polícia, porque tem o interesse de colaborar com as investigações”, esclarece o texto enviado para a imprensa.

Leia mais:  Celular de filho de Flordelis também sumiu, diz delegada

Na próxima terça-feira, a parlamentar realizará uma coletiva de imprensa na Barra da Tijuca para novos esclarecimentos sobre o caso.

Entenda o caso

O pastor Anderson do Carmo foi assassinado na porta de casa no domingo, dia 16, em Pendotiba, Niterói.

Foram presos Flávio dos Santos Rodrigues, de 38 anos, filho biológico de Flordelis , e Lucas dos Santos, de 18 anos, filho adotivo da deputada. Os dois já confessaram o crime.

Leia mais:  Marido de deputada Flordelis é velado em Igreja de São Gonçalo

Contudo, de acordo com a Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI), as investigações continuam em andamento, testemunhas e familiares estão sendo ouvidos e diligências sendo realizadas.