Tamanho do texto

Nomeação de Montezano foi confirmada pelo Ministério da Economia

a
Agência Brasil
Novo presidente do BNDES foi vizinho de Bolsonaro e é próximo de filhos

A escolha do novo presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social ( BNDES ), Gustavo Montezano , antecipada pela colunista Miriam Leitão, agradou não só o presidente Jair Bolsonaro , mas também seus filhos. 

Leia também: Odebrecht entra com maior pedido de recuperação judicial da história do País

De acordo com o deputado federal Eduardo Bolsonaro , o filho "03" do chefe do Palácio do Planalto, o novo comandante do BNDES morou no mesmo prédio de Bolsonaro no começo da década de 1990, no Rio. 

O parlamentar, que disse ter ficado sabendo da escolha pela reportagem, comemorou o anúncio, dizendo que Montezano é qualificado para o cargo, por ter passagens pelo BTG Pactual. 

Eduardo afirmou que não sabe se o novo dirigente do banco de desenvolvimento apoiou seu pai durante a campanha do ano passado, mas disse ter uma relação de proximidade com ele. 

O deputado pontuou ainda que Montezano regula na idade com seu irmão, o senador Flávio Bolsonaro , que tem 38 anos de idade. E mencionou que o pai do atual secretário especial adjunto do Ministério da Economia é amigo do ministro Paulo Guedes. 

De acordo com o currículo disponível no site da pasta, Gustavo Montezano é mestre em economia pela Faculdade de Economia e Finanças (IBMEC-RJ) e graduado em Engenharia pelo Instituto Militar de Engenharia (IME-RJ).

Leia também: Bolsonaro diz que Moro no governo é "motivo de honra para brasileiros de bem"

O novo presidente do BNDES atuou como diretor de operações da ECTP (BTG Commodities), baseado em Londres, e anteriormente era o sócio diretor do BTG Pactual responsável pela divisão de crédito corporativo e estruturados, em São Paulo.