Tamanho do texto

Assessoria do Hospital Ortopédico e Medicina Especializada, confirmou a pane; comitiva presidencial causou excesso de peso no elevador do lugar

Bolsonaro e Neymar
Reprodução/Twitter
Bolsonaro visitou Neymar no hospital após lesão

O presidente Jair Bolsonaro ficou preso no elevador nessa quinta-feira (6), quando foi visitar o jogador de futebol Neymar no Hospital Ortopédico e Medicina Especializada (HOME), em Brasília. As informações são da Folha de S.Paulo .

Leia também: Deputado do PSL protocola PL que ficou conhecida como "Lei Neymar da Penha"

De acordo com fontes ouvidas pelo jornal, a pane durou tempo "considerável". Em nota, a assessoria do hospital confirmou e disse que o elevador travou porque a comitiva presidencial tinha mais gente do que o equipamento suportava. “O equipamento demonstrou toda sua tecnologia e segurança ao entender que a situação de locomoção estaria comprometida pelo excesso de pessoas”, diz o texto. 

Bolsonaro foi visitar Neymar após uma lesão durante uma partida no estádio Mané Garrincha. Em sua conta do Twitter, publicou uma foto com o jogador e escreveu: "Visitando @neymarjr no Hospital Home em Brasília. Desejo uma boa e rápida recuperação!".

Em Buenos Aires, o presidente também defendeu a inocência do atleta nas recentes acusações da modelo Najila Mendes sobre estupro."Peraí, se você analisar o contexto ali, o que que ela [Najila] fez atravessando o Atlântico, né?", questionou.