Tamanho do texto

Líder do PSL no Senado afirma que recebeu uma ligação do ministro para pedir apoio à MP da reforma administrativa; votação está prevista para hoje

Major Olímpio
Oliveira/Agencia Senado
Major Olímpio (PSL-SP) disse ter recebido uma ligação do ministro Sérgio Moro

O líder do PSL no Senado, Major Olímpio, disse ter recebido uma ligação do ministro da Justiça, Sérgio Moro, para pedir consideração na votação da Medida Provisória da reforma administrativa (MP 870). O senador, por sua vez, afirmou à Folha de S.Paulo que não dá para defender quem não quer ser defendido.

Leia também: Conheça a reforma administrativa aprovada pela Câmara dos Deputados

"Ele [Moro] agradeceu todo o esforço e disse que está preocupado com a estrutura do governo. Ele me pediu que eu ponderasse", relatou Major Olímpio . O senador, no entanto, disse que ainda está avaliando se vai manter ou não o apoio à alteração. "Não dá para você defender uma situação em que o defendido não quer ser defendido", afirmou.

A MP 870 entrou em vigor no dia 1º de janeiro e reduziu o número de ministérios para 22. Caso não seja aprovada pelo Congresso até o a próxima segunda-feira (3), perde a validade. Sendo assim, o governo voltaria a ter 29 ministérios e o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) sairia das mãos de Moro e seria realocado para o Ministério da Economia.

O Planalto teme que, ao manter o órgão no Ministério da Justiça, o texto volte à Câmara dos Deputados, o que poderia atrasar a tramitação e resultar na perda do prazo. A votação no Senado está prevista para o fim da tarde de hoje.