Bolsonaro e Mourão
Reprodução/Flickr
Bolsonaro e Mourão

O Palácio do Planalto pretende gastar R$ 7,1 milhões com carros blindados para a família do presidente Jair Bolsonaro e de seu vice, Hamilton Mourão. As informações são do jornalista Guilherme Amado, da revista  Época

Leia também: Queiroz pagou cirurgia de R$ 64,5 mil no Albert Einstein com dinheiro vivo

De acordo com a revista, o Planalto alega urgência para atender aos familiares de Bolsonaro e Mourão. O pregão será aberto daqui a duas semanas e prevê a compra de pelo menos 39 veículos. O preço de cada um chega a R$ 270 mil. 

Você viu?

Entre as opções cotadas estão os modelos Audi A6, Ford Fusion, Honda Accord ou "superiores". Além disso, todos os carros devem ter suportes para armas letais, pneus à prova de bala e equipamentos de varredura e monitoramento.

A informação causou polêmica nesta sexta-feira e "Bolsonaro e Mourão" se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter. "Não tem dinheiro pra nada. Falta verba para universidades, para os remédios, para reajustar o salário mínimo no ano que vem, para os benefícios dos velhinhos pobres. Mas para carros de luxo pro Bolsonaro e Mourão, os dois parasitas, aí o dinheiro sobra", escreveu um internauta. 

Leia também: Bolsonaro tem até 15 dias para pagar indenização de R$ 10 mil a Maria do Rosário

Apesar do protesto e da indignação da maioria dos internautas, alguns defenderam a iniciativa do Planalto : "Me arrepender jamais! Apoio Bolsonaro e Mourão! Prefiro gastar a com segurança deles do que com 4 advogados para cada Adélio que aparecer! Presidente já precisa de segurança, imaginem quando ele quer lutar contra o sistema imundo que vivemos!", escreveu um deles.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários