Tamanho do texto

Presidente eleito no Brasil concorre em votação popular contra políticos famosos como Donald Trump e Vladimir Putin, além de celebridades como Lady Gaga e Beyoncé; ele é o único brasileiro entre os 54 concorrentes

Jair Bolsonaro está entre os 54 finalistas que concorrem a personalidade do ano de 2018 pela revista Time
Divulgação/ Flickr Governo de Transição
Jair Bolsonaro está entre os 54 finalistas que concorrem a personalidade do ano de 2018 pela revista Time


Presidente eleito no Brasil, Jair Bolsonaro concorre a mais uma eleição neste ano. Desta vez, o deputado do PSL aparece entre os 54 finalistas a personalidade do ano no mundo pela revista Time. O vencedor da votação popular vai estampar a capa da revista na edição de dezembro. É a primeira vez que o político concorre ao “prêmio”.

Leia também: PGR aprova contas da campanha de Bolsonaro com ressalvas

Mesmo com a grande popularidade que tem no Brasil, Jair Bolsonaro deve ter muita dificuldade em vencer a votação. Como a Time não separa o prêmio por setores, o político concorre com artistas como Lady Gaga, o grupo de K-Pop BTS, Ariana Grande, entre outros.

Ainda concorrem esportistas (Serena Williams, Simone Biles e LeBron James), empresários (Jeff Bezos, Eln Musk, entre outros) e celebridades em geral (Donald Glover, Meghan Markle, entre outros).

Além de Bolsonaro, outros políticos estão entre os finalistas, incluindo Vladimir Putin (presidente da Rússia), Donald Trump (presidente dos EUA), Angela Merkel (chanceler da Alemanha) e Moon Jae-in (presidente da Coreia do Sul).

Leia também: "Não são mercadorias para serem devolvidos", diz Bolsonaro sobre venezuelanos

Até esta terça-feira (27), o grupo sul-coreano BTS liderava a votação com 10% dos votos. O político melhor posicionado é Moon Jae-in, presidente da Coreia do Sul, que neste ano propôs um acordo de paz e se reuniu com Kim Jon-un, presidente da Coreia do Norte na tentativa de diminuir o conflito entre os dois países. Ele tem 5% das escolhas.

Ainda sem assumir o posto no Brasil, Jair Bolsonaro é o antepenúltimo da lista, atrás apenas de Recep Erdogan, presidente da Turquia e Michael Cohen, ex-advogado de Donald Trump que delatou o presidente norte-americano.

A escolha de personalidade do ano pela revista Time é tradição desde 1927. No ano passado, os escolhidos foram “aqueles que quebraram o silêncio”, um prêmio aos que denunciaram abusos e assédios sexuais através da campanha #MeToo (eu também), que tomou conta das redes sociais e influenciou inclusive artistas a contarem suas histórias.

Atual presidente dos EUA e referência de Jair BolsonaroDonald Trump foi eleito em 2016 e um ano antes, Angela Merkel estampou a capa da revista em dezembro. Ex-presidente do Brasil, Dilma Rousseff concorreu ao prêmio em 2011, ano em que manifestantes pelo mundo foram premiados.

    Leia tudo sobre: Donald Trump
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.