Tamanho do texto

Propaganda do tucano alega que Fernando Haddad vence o candidato do PSL em segundo turno, mas nova pesquisa Ibope aponta empate nessa simulação

Propaganda de Geraldo Alckmin defende a tese de que votar em Bolsonaro é eleger o PT no segundo turno
Ciete Silvério/Divulgação - 6.9.18
Propaganda de Geraldo Alckmin defende a tese de que votar em Bolsonaro é eleger o PT no segundo turno

A dois dias do fim do horário eleitoral gratuito, a propaganda de Geraldo Alckmin (PSDB) levada ao ar nesta terça-feira (2) em rede nacional de TV utilizou pesquisas antigas para atacar os adversários Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

A campanha reaproveitou propaganda de Geraldo Alckmin exibida no último sábado (29) , que apresenta levantamentos de intenção de voto para defender a tese de que votar em Bolsonaro "é eleger o PT".

Na peça, é exibida arte com simulação de segundo turno entre Fernando Haddad e Bolsonaro, na qual o petista vence por 43% a 37%. Esses índices constam de levantamento divulgado no início da semana passada pelo Ibope, instituto que divulgou nova pesquisa ontem (2) na qual essa mesma simulação tem empate entre os dois candidatos em 42%.

Outra pesquisa  já ultrapassada que aparece na propaganda diz respeito a eventual segundo turno entre Alckmin e Haddad. É exibida pesquisa Datafolha do dia 20 de setembro, na qual o ex-governador paulista supera o petista por 39% a 35%. Já a pesquisa mais recente do instituto, divulgada na última sexta-feira (28) , mostra empate nesse cenário, com 39% para cada candidato.

"Se você não quer entregar o País para o PT ou para alguém da turma dele, seu candidato não pode ser o Bolsonaro – por mais que você simpatize com ele. Para vencer o PT e sua turma, o candidato é Geraldo Alckmin – mesmo que você não simpatize tanto com ele. A questão agora não é de simpatia. A questão é: não deixar o PT voltar. Se se você não quer que o PT volte, volte você para o 45", diz a locutora da propaganda do tucano.

Propaganda de Geraldo Alckmin fala mais de Bolsonaro do que do tucano

Campanha reaproveitou nesta terça-feira propaganda de Geraldo Alckmin exibida na TV no último sábado (29)
José Cruz/Agência Brasil - 6.8.18
Campanha reaproveitou nesta terça-feira propaganda de Geraldo Alckmin exibida na TV no último sábado (29)

Para atrair os eleitores de Bolsonaro, o programa de Alckmin apresenta o ex-governador paulista como "especialista em derrotar o PT", lembrando eleições em que o tucano derrotou candidatos petistas.

"Daqui a poucos dias, o Brasil vai escolher quem vai disputar a Presidência com o PT. Eu derroto o PT no segundo turno. Nesta campanha, tenho mostrado ideias concretas para tirar o Brasil de sua maior crise. Tenho experiência e preparo para resolver nossos grandes desafios, como fiz no Estado de São Paulo. Se você não quer eleger o PT, não vote errado no primeiro turno", diz o próprio candidato no programa.

Levantamento feito pelo iG mostra que o ex-governador paulista cita o nome de Bolsonaro mais vezes  do que o dele próprio e sua propaganda – que dedica 65% do tempo para atacar o candidato do PSL. O nome do ex-capitão do Exército é pronunciado 20 vezes na  propaganda de Geraldo Alckmin , enquanto o nome do tucano é dito apenas seis vezes.