Tamanho do texto

Fachin abriu exceção e deputada poderá ver Roberto Jefferson; eles não têm podido se comunicar por serem, ambos, suspeitos numa mesma investigação

Fachin autorizou a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) a visitar seu pai, Roberto Jefferson, neste domingo
Divulgação/PTB
Fachin autorizou a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) a visitar seu pai, Roberto Jefferson, neste domingo

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou a deputada federal Cristiane Brasil (PTB-RJ) a visitar seu pai, o presidente do PTB, Roberto Jefferson, neste domingo (12).

Leia também: Cristiane Brasil chama Fachin de vagabundo em mensagem a ex-ministro do Trabalho

O encontro, em pleno Dia dos Pais, teve que passar por uma decisão do STF porque pai e filha estão sendo investigados no âmbito de uma mesma operação – a Registro Espúrio, cuja terceira fase foi deflagrada pela Polícia Federal (PF) no início de julho. Por conta disso,  Cristiane Brasil e Roberto Jefferson não têm permissão de se ver.

Porém, devido a um pedido protocolado pela defesa da parlamentar, que solicitava permissão para que ela pudesse visitar o deputado federal cassado hoje, a autorização foi dada. 

A Operação Registro Espúrio apura suspeitas de fraudes na concessão de registros sindicais pelo Ministério do Trabalho, pasta que há tempos é comandada pelo PTB , partido da família.

A terceira fase da operação levou o então ministro do Trabalho, Helton Yomura, a pedir exoneração do cargo. Hoje, Cristiane, a exemplo de outros investigados, está proibida de se reunir ou conversar com outros suspeitos, bem como com servidores do Ministério do Trabalho .

Leia também: Supremo proíbe deputada Cristiane Brasil de manter contato com o pai

No mês passado, o ministro Fachin já tinha autorizado a deputada a participar da reunião da executiva nacional do PTB, que aconteceu no último dia 18. O ministro, no entanto, estabeleceu que – mesmo durante o evento partidário – a filha de Roberto Jefferson deveria observar todas as demais restrições impostas por ordem cautelar.

Na ocasião, Fachin também exigiu que a congressista entregasse um relatório escrito documentando tudo o que fez durante a reunião, além de uma declaração de que não manteve conversas particulares nem encontros reservados com os demais investigados no Inquérito 4.671.

Leia também; Cristiane Brasil diz sofrer "campanha difamatória" e garante ter ficha limpa

O encontro de Cristiane Brasil e de Roberto Jefferson, neste Dia dos Pais, não conta com o acompanhamento de oficiais da Justiça. 

* Com informações da Agência Brasil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.