Tamanho do texto

Vídeo divulgado pelo Partido dos Trabalhadores na internet foca no otimismo quanto à candidatura de Lula e a possibilidade de retomada do crescimento econômico e critica a prisão do ex-presidente

Video de campanha de Lula critica prisão de líder e afirma que ex-presidente pode auxiliar na retomada do crescimento econômico
Ricardo Stuckert/Fotos Públicas
Video de campanha de Lula critica prisão de líder e afirma que ex-presidente pode auxiliar na retomada do crescimento econômico

O Partido dos Trabalhadores lançou, na quinta-feira (7), a primeira peça publicitária tratando especificamente da candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à presidência da República nas eleições de 2018.

Leia também: Em um dia, PT arrecada mais de R$ 37 mil em 'vaquinha' para campanha de Lula

Em um tom de saudosismo que remete à singles de eleições anteriores – como o “ Lula lá” e “Deixa o homem trabalhar” -, o mote do vídeo é a retomada do crescimento da economia, que seria possibilitada pela reeleição do ex-presidente Lula,  e a crítica à prisão do líder petista.

Imagens da recessão econômica, com o fechamento de lojas, demissões e da greve dos caminhoneiros, acompanham a letra da música, que principia questionando: “meu querido Brasil, o que fizeram com você?”.

Sem entrar em detalhes políticos e partidários, assim, a peça publicitária critica o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff ( PT ) e a ascensão de Michel Temer (MDB) ao poder. A solução para a crise, sugere o vídeo, passa pelo retorno de Lula ao Planalto: “Chama que o homem dá jeito, é o Brasil feliz de novo”, conclui a peça. 

A prisão do petista foi comentada em um dos trechos do single: "Olha lá, aquela estrela que tentaram apagar não se apaga e sempre é o brilho dos olhos da gente, olha ela lá.
Olha lá, uma ideia ninguém pode aprisionar".   

Leia também: Sem Lula, Bolsonaro lidera corrida presidencial e Ciro é principal adversário

A divulgação do vídeo antecede o lançamento oficial da pré-candidatura do ex-presidente, marcada para esta sexta-feira (8) em Contagem, Minas Gerais. Junto da peça publicitária, o PT anexou um comentário: “O povo brasileiro nunca sofreu tanto quanto agora e só há uma pessoa que pode acabar com a tristeza do povo: Luiz Inácio Lula da Silva”. 

Veja, abaixo, a íntegra da peça publicitária da campanha de Lula à presidência:




Leia também: Serra teria recebido R$ 23,3 milhões da Odebrecht após acordo fraudado da Dersa

    Leia tudo sobre: lula
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.