M faz operação na Cidade de Deus desde o início da manhã desta quinta-feira
Reprodução/TV Globo
M faz operação na Cidade de Deus desde o início da manhã desta quinta-feira

Equipes da Polícia Militar fazem uma operação na Cidade de Deus, na Zona Oeste do Rio, desde o início da manhã desta quinta-feira (10). Segundo a corporação informou, por meio de nota, a ação tem como objetivo prender os criminosos envolvidos na morte da diarista Jurema Alvares Pinto, de 66 anos, na última segunda-feira (7). Os agentes também têm como alvo localizar e prender criminosos, desarticular quadrilhas de roubos de veículos e remover barricadas.

Policiais de unidades subordinadas ao 2º CPA e batalhões do Centro de Operações Especiais (COE) estão no local desde pouco depois das 6h.

Até o momento um homem foi preso com um rádio, granada e material entorpecente, de acordo com a PM. A operação continua no local.

A diarista Jurema Alvares Pinto, de 66 anos, foi atingida no peito por uma bala perdida quando passava pela Rua Edgard Werneck, principal e mais movimentada via da Cidade de Deus, e que dá acesso à comunidade. Ela estava no banco do carona, ao lado do filho Marcelo Álvares, que dirigia. Ele a levava para o trabalho, numa casa na Barra da Tijuca, como fazia todas as segundas-feiras.

Marcelo contou que um grupo de homens armados passava pela rua. Eles teriam disparado tiros para o alto, e um tiro perfurou o vidro dianteiro do carro, atingindo Jurema. Foi ela quem percebeu ter sido ferida. O filho ainda a socorreu, levando-a para a Unidade de Pronto Atendimento a poucos metros, mas a diarista morreu ainda durante o procedimento de primeiros socorros.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários