Soldado Lecio Tadeu dos Santos, de 42 anos, morreu na hora ao ser atingido com o disparo
Reprodução
Soldado Lecio Tadeu dos Santos, de 42 anos, morreu na hora ao ser atingido com o disparo

O policial militar Elias Postanovski matou o colega de profissão Lecio Tadeu dos Santos, de 42 anos, após uma discussão dentro da viatura na noite desta quinta-feira (4), em Curitiba .

Segundo o outro policial que estava na viatura na hora do crime, a discussão entre os dois começou por conta da maneira como a vítima, Lecio, estava dirigindo.

Com os nervos exaltados, o motorista estacionou a viatura e partiu para cima de Elias, que estava no banco de trás.

Você viu?

“Houve um desentendimento por conta disso, o motorista desembarcou da viatura e agrediu o policial que estava no banco de trás, com tapas e socos. Esse policial, de pronto, efetuou um disparo contra o rosto do motorista, que morreu ali mesmo”, conta.

O soldado que fez o disparo assumiu para o policial que presenciou o crime que vinha se desentendendo com a vítima há alguns dias. “Infelizmente, uma situação de desinteligência”.

Elias Postanovski foi preso em flagrante e encaminhado ao Presídio do Batalhão de Polícia da capital paranaense.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários