Favela do Cantagalo está localizada entre Copacabana e Ipanema no Rio de Janeiro
Antonio Scorza / Agência O Globo
Favela do Cantagalo está localizada entre Copacabana e Ipanema no Rio de Janeiro

Na tarde desta sexta-feira (9), os suspeitos de terem cometido o crime de estupro coletivo no alto do Morro do Cantagalo se entregaram à polícia do Rio de Janeiro. As informações foram dadas pelo Extra .

Os cinco suspeitos — três maiores de idade e dois menores — já haviam sido identificados e a Justiça expediu os mandados de prisão dos maiores e apreensão dos dois adolescentes. 

Os advogados dos acusados negociaram para que o grupo se apresentasse às autoridades. 

A mãe de uma amiga da vítima informou que os agressores e a menina se conheciam. “Quem socorreu [a vítima] foi a minha filha. Ela estava com sinais de ter bebido muito e estava desorientada”, disse a mulher.

Em depoimento, a vítima , que tem 14 anos, afirmou que pode ter sido dopada enquanto ingeria bebida alcoólica.

O crime foi denunciado na 13ª DP (Ipanema) e é acompanhado pelo delegado Felipe Santoro da Silva. As testemunhas menores de idade devem ser ouvidas nos próximos dias.

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, afirmou que vai cobrar da polícia uma "investigação rigorosa" e disse que “ontem, na reunião com as polícias, mais uma vez veio um dado alarmante: a maioria dos chamados no 190 é de violência contra mulher . Essa será uma pauta prioritária do estado. Violência contra mulher tem que ter um basta”.

    Veja Também

      Mostrar mais