A Polícia Civil encontrou o corpo em uma rua da cidade de Aparecida de Goiânia.
Divulgação/Polícia Civil
A Polícia Civil encontrou o corpo em uma rua da cidade de Aparecida de Goiânia.

Na última segunda-feira (28), a Polícia Civil do Maranhão , com apoio da delegacia de homicídios de Goiás, prendeu o jovem de 21 anos que foi flagrado carregando o corpo de um amigo em um carrinho de mão .

O caso ocorreu em agosto, em Aparecida de Goiânia (GO). A polícia não informou o nome do investigado, que foi preso em Timon, no Maranhão.

De acordo com o delegado Rogério Bicalho, que conduziu as investigações, o jovem estava escondido na casa de uma tia.

Bicalho afirmou que o homem foi indiciado por matar Alexandre Mascena Vieira, de 24 anos, e tentar ocultar o corpo dele.

Entenda o caso

Alexandre foi morto a facadas no dia 22 de agosto, em Aparecida de Goiânia. Câmeras de segurança registraram o homem indiciado carregando o corpo de Alexandre em um carrinho de mão.

A Polícia Civil estima que o rapaz percorreu uma distância de 2 km com o carrinho de mão. Durante o percurso, ele parou para comprar cigarros e conversou com pessoas por alguns minutos.

Uma moradora da região chegou a questionar o homem sobre o que tinha no carrinho, e ele respondeu que se tratava de um animal morto e que iria jogá-lo na mata.

Desconfiada, a mulher decidiu ligar para a polícia. Em seguida, o homem deixou o carrinho na rua e fugiu.

Alexandre e o suspeito eram amigos, mas ainda não se sabe qual teria sido a motivação do crime.

"A motivação ainda não foi esclarecida porque ele foi preso hoje e ainda não foi interrogado, o que deverá ocorrer quando for recambiado para Goiás", explica o delegado Bicalho.

    Veja Também

      Mostrar mais