agente
Reprodução
O agente penitenciário foi encontrado morto com sinais de espancamento


Dois homens foram presos, na noite de quarta-feira (05), suspeitos de  matarem o agente penitenciário Ezequiel Figueiredo. Márcio Queiroz Barreiro Júnior, de 22 anos, e Breno do Nascimento, de 18, foram capturados em Nova Iguaçu, na Baixadada Fluminense, por agentes da Divisão de Busca e Recaptura e da Subsecretaria Operacional da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap).


Levados para a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense, que estava investigando o crime, a dupla foi autuada em flagrante . Com Márcio foi encontrado o revólver de Ezequiel. Segundo informações da Seap, os dois presos assumiram a autoria do crime.

Ezequiel foi encontrado morto na manhã ontem também em Nova Iguaçu. O corpo do agente estava na Estrada do Santana, no bairro do Cacuia, e tinha sinais de espancamento . Ezequiel tinha saído de casa para encontrar amigos na noite de terça-feira, mas não retornou e seus familiares passaram a procurá-lo. Seu carro foi encontrado perto da UPA do bairro Botafogo, em Nova Iguaçu.

Contra Márcio ainda havia um mandado de prisão pendente pelo crime de associação para o tráfico de drogas. Ele estava foragido desde junho deste ano. O Disque-Denúncia oferecia R$ 5 mil por informações sobre os responsáveis pela morte de Ezequiel.

    Veja Também

      Mostrar mais