mulher sorrindo
Redes sociais / Reprodução
Sandra Maria foi enterrada pelo próprio filho após ser morta pelo irmão

Um jovem de 21 anos foi preso por enterrar o corpo da mãe assassinada pelo tio dele, irmão da vítima, no Setor Habitacional Vicente Pires, no Distrito Federal. O rapaz, de identidade não revelada, ajudou o tio a ocultar o cadáver da cabeleireira Sandra Maria Sousa Moraes, de 39 anos, em uma cova rasa.

A morte de Sandra foi informada à polícia pela filha da mulher, que conseguiu fugir do cárcere privado e ir até a delegacia após ser estuprada pelo tio. Ela narrou o fato contado pelo tio antes dos abusos e, a partir daí, a polícia iniciou as investigações.

Leia também: Estados registram altos números de feminicídios

Sandra foi encontrada morta no Assentamento 26 de Setembro com um fio de telefone enrolado no pescoço. O principal suspeito de cometer o crime , Danilo Moraes Gomes, irmão dela, está foragido e é procurado pela polícia.

A principal suspeita da polícia é de que Danilo tenha matado a irmã por causa de uma discussão envolvendo um loteamento no assentamento. O filho de Sandra responderá por ocultação de cadáver.

    Veja Também

      Mostrar mais