Tamanho do texto

Segundo Boletim de Ocorrência registrado em Parintins (AM), mulher se irritou ao saber que criança deixou a casa para comprar material escolar

criança agredida arrow-options
Divulgação
Avó é acusada de dar pauladas em neto no Amazonas


A polícia militar de Parintins (AM) prendeu uma mulher de 52 anos, que não teve o nome identificado, na noite da última quarta-feira (11) com a acusação de que a mesma teria agredido o seu neto com pauladas nas costas. O motivo, segundo o registro no Boletim de Ocorrência, foi o garoto de 12 anos ter saído de casa para comprar material escolar sem consentimento.

Leia também: Avô estupra neta de nove anos e avó culpa criança pelo crime

Na imagem divulgada pela polícia é possível ver marcas nas costas da vítima após as pauladas . A mulher confessou o crime, mas foi liberada após depoimento na Delegacia Especializada de Polícia (DEP) de Parintins.

Antes de ser liberada, porém, a mulher precisou assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por maus-tratos. O garoto vai passar por uma perícia para se tentar descobrir a intensidade das pauladas .