Tamanho do texto

Após agressão ao ex-noivo, Rachael Biscoe foi condenada a quatro meses de prisão; recentemente, júri voltou atrás e diminuiu pena para dois meses por causa de problemas dela com álcool; homem deve ser indenizado em R$ 1 mil

Rachael disse que estava bêbada quando perfurou ex-noivo com anel de diamantes que havia ganhado de presente
Reprodução/Facebook
Rachael disse que estava bêbada quando perfurou ex-noivo com anel de diamantes que havia ganhado de presente

Uma mulher abriu o saco escrotal de seu parceiro com o anel de noivado após ouvi-lo falar ao telefone, com suposta amante . Rachael Biscoe, de 44 anos, alegou ter ficado furiosa ao encontrar Trevor Camp, de 50 anos, na cama e seminu, conversando com uma chinesa, com quem já desconfiava que ele mantinha um caso.

Leia também: "Menina de 11 anos não é uma criança", argumenta defesa de acusado de estupro

Durante uma discussão por conta da mulher misteriosa, Biscoe teria rasgado o escroto do noivo com um anel de diamantes , aliança oferecida por ele durante o pedido de casamento. O homem contou à polícia que sentiu uma dor na região da virilha e percebeu que estava sangrando muito, o que o fez acreditar que havia sido esfaqueado.

A suposta amante ouviu a briga pelo telefone, e confirmou aos oficiais a versão contada por Camp. Entretanto, ao longo das investigações, nenhum utensílio ou arma foram encontrados no apartamento do casal, na vila de Poundbury, próxima a Londres.

Caso e julgamento

Rachel afirmou que, por estar bêbada, não teria percebido a gravidade do ferimento que fez em seu noivo. Por isso, saiu para passear com o cachorro de estimação do casal logo depois da discussão. 

Leia também: Russa é suspeita de ter assassinado e desmembrado namorado durante jogo erótico

A vítima ligou para a ambulância na madrugada do dia 8 de dezembro e foi levada para o hospital, sendo atendida pela equipe médica. O homem, porém, precisou retornar ao hospital para a realização de uma cirurgia, devido a uma infecção na área.

A relatora do processo, Elizabeth Valera, expôs ao magistrado que o casal estava em um relacionamento há seis anos, e que passou a se desentender nos últimos tempos. Rachel foi condenada a cumprir quatro meses de prisão após confessar a agressão.

Após o ocorrido, Trevor se mudou para a China, onde vive com a mulher com quem falava no telefone
Reprodução/Facebook
Após o ocorrido, Trevor se mudou para a China, onde vive com a mulher com quem falava no telefone

Entretanto, no início dessa semana, o júri de Weymounth voltou atrás na decisão, eliminando dois meses da pena inicial, por considerar o momento de nervosismo a que a mulher foi exposta, além de seus problemas com o álcool. Assim, ela deverá pagar indenização de R$ 1,3 mil ao ex-noivo, além de passar 20 dias na reabilitação e cumprir 160 horas de serviço voluntário.

Leia também: Grave acidente entre dois ônibus deixa ao menos 15 feridos na Marginal Pinheiros

De acordo com o Daily Mail , Rachael e Trevor não estão mais juntos. Atualmente, ele trabalha como travesti na China , onde se mudou para viver com a mulher com que falava ao telefone no momento em que foi perfurado pelo anel da antiga companheira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.