Tamanho do texto

As ruas de uma pequena cidade no estado do Maine foi palco de uma grande limpeza no último sábado (22), com direito a recompensa aos participantes

No estado do Maine, qualquer morador maior de 21 anos, que ajudou a limpar as ruas da cidade, pode ganhar maconha
Creative Commons/Public Domain Pictures
No estado do Maine, qualquer morador maior de 21 anos, que ajudou a limpar as ruas da cidade, pode ganhar maconha


O lixo jogado nas ruas é um problema de milhares de cidades ao redor do mundo. E enquanto algumas lutam para resolver essa questão, mas não obtêm sucesso, outras usam a criatividade e conseguem resultados impressionantes. Foi o que aconteceu em Gardiner, no estado do Maine, Estados Unidos, onde a maconha foi capaz de deixar o asfalto livre de dejetos.

Leia também: Pacotes de maconha são encontrados em roupas doadas para loja infantil

A Summit Medical Marijuana, uma loja que vende maconha medicinal, resolveu organizar uma grande coleta de lixo no último sábado (22), com uma interessante recompensa para os participantes maiores de 21 anos: erva de graça.

Centenas de pessoas participaram da ação e, para ganhar o “presente”, bastava encher uma sacola com lixo coletado das ruas e levar até a loja, onde os funcionários teriam que confirmar sua idade para lhe entregar, completamente de graça , um pacote com as ervas.

A ação, promovida pela Summit Medical Marijuana, reuniu centenas de pessoas na cidade de Gardiner
Reprodução/WCSH
A ação, promovida pela Summit Medical Marijuana, reuniu centenas de pessoas na cidade de Gardiner




Leia também: Farmácias do Uruguai começam a vender maconha para uso recreativo nesta quarta

Objetivos da ação social

Tracy e Dennis Meehan, o casal que administra a loja, declaram segundo o site "WCSH" que querem usar o novo comércio de Gardiner – o estabelecimento foi inaugurado no último dia 7 – para ajudar a manter a cidade limpa. “Eu ouvi falar sobre uma iniciativa parecida no Colorado, eles conseguiram bons resultados e eu espero conseguir fazer a mesma coisa aqui no Maine”, Dennis contou ao site.

Além de promover o seu negócio e ajudar a comunidade, os Meehan também querem difundir seu trabalho com ervas medicinais. Por mais que distribuir sua mercadoria sem cobrar por isto não seja o melhor dos modelos de comércio, Dennis explicou que, dessa forma, a população pode entrar em contato com mais informações sobre o uso medicinal da cannabis, que ajuda a melhorar a qualidade de vida de milhares de pessoas, e incentivar pesquisas sobre a medicação.

Agora, a família quer expandir os "sábados de coleta" para outras regiões do estado do Maine, sempre com o mesmo incentivo: pacotes de maconha gratuitos.

Leia também: "Parece com vinho": cientistas descobrem genes que determinam sabor da maconha

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.