Tamanho do texto

Os três dedos mumificados, encontrados na cidade peruana de Cusco, tem intrigado moradores e cientistas; ninguém descarta a origem alienígena

A múmia, encontrada na cidade peruana de Nazca, está intrigando cientistas de todo o mundo
Reprodução/Ancient Origins
A múmia, encontrada na cidade peruana de Nazca, está intrigando cientistas de todo o mundo


Imagine estar no meio de um passeio por cidades Incas quando, de repente, seus guias encontram um misterioso fóssil de apenas três dedos? Foi o que aconteceu em Cusco, no Peru, no começo deste ano. Se até aí essa história não lhe parece bizarra, prepare-se: há quem acredite que se trata de uma múmia alienígena.

Leia também: Na Rússia, homem é preso por falar sobre a filosofia e prática da ioga em evento

Segundo informações do portal britânico  Express , Brien Foerster, membro da equipe do Hidden Inca Tours, estava passendo com turistas e colegas de trabalho quando percebeu um esqueleto de aparência humanóide. Apesar de inesperado, o esqueleto logo foi esquecido - mas só até Foerster perceber que aquela mão mumificada possuía apenas três grandes dedos. Por isso, depois de confirmar o que havia desconfiado, não teve dúvidas: afirmou que sua origem só poderia ser  alienígena .

Ele e sua equipe afirmaram, ainda de acordo com o site, que um raio-x foi feito e seus resultados mostraram seis pequenos ossos em cada dedo – no lugar dos três ossos que os humanos têm no mesmo lugar. 

Agora, eles planejam realizar testes de DNA e de datação por radiocarbono – e esperam confirmar, por meio destes, que não há nenhuma relação entre os dedos encontrados e qualquer espécie já encontrada no planeta Terra.

Porém, muita gente está dizendo nas redes sociais que a mão é, na verdade, um boato inventado por Foerster e seus amigos, já que eles não divulgaram o local onde o esqueleto fora encontrado.

OVNIs identificados nos Estados Unidos

Três caçadores de alienígenas ficaram perdidos na Reserva Ambiental de Blue Hills, nas proximidades de Boston, nos Estados Unidos, e precisaram ser resgatados pela polícia na noite do dia 8 de junho. Porém, a aventura se mostrou vantajosa, já que eles alegam ter flagrado um OVNI rondando o céu da região .

Mesmo perdidos, os três registraram o OVNI com uma câmera fotográfica
Reprodução/Twitter Adam Bagni
Mesmo perdidos, os três registraram o OVNI com uma câmera fotográfica


Ramona DiFranceso, Travis Stoecklin e Savannah Winship-Cody conseguiram registrar o momento inesperado com uma câmera, "vimos três holofotes formando um triângulo, e logo depois, um OVNI  gigantesco, ainda maior do que a lua, apareceu", DiFrancesco relatou, segundo informações do portal  Boston Globe.

Leia também: Estrada 'mal-assombrada' coleciona lendas e assusta motoristas na Austrália

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.