Pessoas se refrescam em torneira
Reprodução/Twitter - 18.07.2022
Pessoas se refrescam em torneira

O Reino Unido está prestes a enfrentar sua pior seca desde 1976, depois que partes do país receberam apenas três por cento da quantidade de chuvas esperadas para este período.

Uma cúpula de emergência se reuniu nessa segunda-feira, segundo publicou o jornal The Guardian, numa tentativa de enfrentar a crise iminente. Uma das medidas a ser anunciada em breve é a provável volta do racionamento de água, sobretudo para irrigação de jardins, lavagem de carros ou uso em piscinas.

Quem desrespeitar o racionamento, poderá ser penalizado com multas de até mil libras (cerca de R$ 6,5 mil). Os alertas reforçam que o Reino Unido pode sofrer com novas temperaturas recordes, na faixa dos 40°C, em agosto.

Resgate de peixes

Os níveis dos rios no país já se encontram tão perigosamente baixos, que especialistas estão “resgatando” centenas de salmões, trutas e lagostins.

Os números mostram que o Reino Unido registrou apenas 55mm de chuva neste verão – menos da metade da precipitação média esperada. O Sudeste foi a região mais atingida em julho, com totais de chuva em Kent, de 1,9mm (quatro por cento da média de julho); e Essex, 1,3mm (três por cento).

Os agricultores anunciaram que não teriam tempo hábil para salvar as plantações, em meio a temores de que seriam obrigados a parar de regar as áreas cultivadas.

Verão de 76

O verão de 1976 foi um dos mais extremos já registrados, com as temperaturas permanecendo acima de 32°C por 15 dias consecutivos.

Os incêndios florestais se espalharam e as colheitas foram perdidas, fazendo com que os preços dos alimentos subissem 12%. Naquele verão, houve apenas 76mm de chuva em junho, julho e agosto.

Distribuidoras de água já estão se preparando para a crise hídrica atual. A Water UK disse, em um comunicado: “As empresas de água têm planos para gerenciar recursos e proteger o meio ambiente e estão fazendo tudo o que podem, incluindo trabalhar em estreita colaboração com o governo e os reguladores, para minimizar a necessidade de quaisquer restrições”.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários