Joe Biden e Vladimir Putin
Reprodução/Montagem iG - 17/03/2022
Joe Biden e Vladimir Putin

Nesta quarta-feira (1), a Rússia afirmou que os Estados Unidos estão “jogando gasolina no fogo” com o envio de foguetes de longo alcance para a Ucrânia. O envio dos recursos bélicos foi anunciado pelo presidente norte-americano Joe Biden na terça-feira (31).

Acreditamos que EUA esta jogando gasolina no fogo. Eles estão mantendo a linha de que lutarão contra a Rússia até o último ucraniano” , afirmou o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov.

Na segunda (30), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, negou que faria o envio de armamentos que possam chegar ao território russo e interferir no conflito. Entretanto, no dia seguinte, Biden escreveu em um artigo publicado no jornal The New York Times que enviará armamentos avançados à Ucrânia.

O presidente norte-americano falou sobre enviar mísseis antitanque Javelin, mísseis antiaéreos Stinger, artilharia poderosa, sistemas de foguetes de precisão, radares, veículos aéreos não tripulados, helicópteros Mi-17 e munições.

O mandatário norte-americano disse que a guerra só terminará “por meio da diplomacia”. No artigo, ele avalia que os armamentos colocarão a Ucrânia na posição mais forte possível na mesa de negociações.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários