Mulher foi identificada como Angela Flores
Reproducao: Facebook
Mulher foi identificada como Angela Flores

Uma mulher acusada de matar os três filhos pequenos dentro de sua casa, em Los Angeles, na Califórnia, afirmou que cometeu o crime por acreditar que eles estavam possuídos por demônios, apurou o portal Eyewitness News . Angela Flores, como foi identificada a autora dos assassinatos, de 38 anos, foi presa depois que as crianças foram encontradas mortas dentro de casa no domingo (8). Ela permanece na prisão, sob fiança de US$ 6 milhões (R$ 30,8 milhões). 

Segundo autoridades, a mãe admitiu tê-los matado com a ajuda de seu outro filho, um garoto de 16 anos. O adolescente, que não foi identificado publicamente, foi preso por uma acusação de assassinato. A mulher está sendo responsabilizada criminalmente pelas três mortes. 

"Todos nós sofremos por essas crianças", afirmou o promotor George Gascón. "A perda de suas jovens vidas é uma tragédia que afetou toda a nossa comunidade. Meus promotores estão trabalhando para responsabilizar os responsáveis por suas mortes."

Na noite de sábado (7), quando o crime ocorreu, vizinhos disseram que chamaram a polícia depois que Angela ficou sentada na varanda da frente por várias horas, agindo de forma estranha. Ela teria começado a gritar, pedindo a Bíblia.

"Então, ela disse: 'Você sabe, você sabe, eu matei meus filhos.'", contou Blanca Hernandez, uma vizinha. "Mas [os policiais] acharam que ela era louca. A polícia achava que ela era louca."

As crianças sofreram sinais de trauma, mas a investigação ainda está em andamento e, até agora, não foi possível decretar exatamente a causa das mortes. Um médico legista do condenado de Los Angeles identificou as vítimas como Nathan Yanez, de 8 anos, Kevin Yanez, de 10 anos, e Natalie Flores, de 12 anos.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários