Vladimir Putin em discurso no Estádio Luzhniki, em Moscou
Reprodução/Ansa - 18.03.2022
Vladimir Putin em discurso no Estádio Luzhniki, em Moscou

Nesta sexta-feira, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, afirmou que o Ocidente está tentando 'cancelar a cultura russa', incluindo as obras de grandes nomes da história da música clássica, como Pyotr Tchaikovsky, Dmitry Shostakovich e Sergei Rachmaninov.

Piotr Ilich Tchaikovsky, um dos artistas citados pelo mandatário, é considerado o compositor russo mais popular da história. Seu trabalho inclui a A Bela Adormecida, O Quebra-Nozes e O Lago dos Cisnes, clássicos muito reproduzidos na cultura ocidental.

A declaração foi dada em meio às sanções impostas à Rússia por conta da invasão da Ucrânia, que Moscou chama de "operação militar especial" para desmilitarizar e "desnazificar" o país vizinho.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários