Fronteira da Ucrânia
Reprodução / Redes Sociais
Fronteira da Ucrânia

Nesta quarta-feira (23), o Parlamento da Ucrânia aprovou um projeto de lei que dá permissão aos ucranianos para portar armas de fogo e agir em autodefesa após o presidente russo Vladimir Putin reconhecer a independência das autoproclamadas repúblicas de Luhansk e Donetsk, no Leste da Ucrânia, e enviar tropas militares à região .

"A adoção desta lei é totalmente do interesse do Estado e da sociedade", disseram os autores do projeto de lei em nota, afirmando que a lei era necessária por causa das "ameaças e perigos existentes para os cidadãos da Ucrânia".

O país também anunciou que vai determinar um Estado de Emergência em todo o território, exceto em Donetsk e Luhansk, regiões onde a medida já está em vigor desde 2014. 

A ordem duraria 30 dias e poderia ser prorrogada por mais 30 dias, de acordo com Oleksiy Danilov, autoridade de alto escalão de segurança da Ucrânia.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários