Polícia criança mata acidentalmente ao atirar em suspeito nos EUA
Reprodução
Polícia criança mata acidentalmente ao atirar em suspeito nos EUA

A Polícia de Los Angeles matou uma menina de 14 anos ao disparar contra um suspeito no interior de uma loja de roupas nos Estados Unidos. A adolescente experimentava um vestido para uma festa de aniversário provador do estabelecimento quando foi atingida por uma bala perdida que atravessou a parede, informaram as autoridades.

Os agentes também mataram o suspeito, que estaria agindo de maneira inadequada e destruindo vitrines da loja. Segundo testemunhas, o homem também teria atacado uma mulher com uma fechadura de bicicleta. A polícia afirmou que o tiroteio ocorreu após relatos de disparos dentro do estabelecimento. Com a vítima, não foi encontrada nenhuma arma.

O incidente aconteceu no final da manhã desta quinta-feira, por volta das 11h45 no horário local em uma loja de departamento da Burlington em meio a uma multidão de compradores. O Departamento de Justiça do estado está investigando o caso.

Na noite de ontem, o chefe da polícia de Los Angeles, Michel Moore, prometeu uma "investigação completa e transparente" sobre o que ele chamou de "incidente caótico".

Leia Também

"Lamento profundamente a perda da vida desta jovem e sei que não há palavras que possam aliviar a dor inimaginável para a família", disse ele.


Os policiais encontraram um buraco na parede próxima de um provador atrás do suspeito com a adolescente já morta do lado de dentro. A menina foi identificada como Valentina Orellana-Peralta.

Como parte das investigações, espera-se a divulgação do vídeo do incidente, incluindo câmeras corporais usadas por policiais e câmeras de segurança do local.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários