Bebê Star Hobson teria sofrido maus-tratos por meses
Reprodução/redes sociais
Bebê Star Hobson teria sofrido maus-tratos por meses

Uma mulher foi considerada culpada de assassinar a filha de 16 meses da parceira, após meses de maus-tratos. A decisão foi tomada em julgamento de sete dias na Inglaterra .

Savannah Brockhill causou ferimentos "catastróficos" a Star Hobson, cuja mãe Frankie Smith foi também foi condenada por causar ou permitir sua morte.

O Tribunal da Coroa de Bradford ouviu que a criança sofreu abusos físicos durante semanas antes do ataque fatal.

A mãe da criança, de 20 anos, e a companheira, de 28, serão condenados na quarta-feira.

Durante o julgamento, os jurados ouviram que a criança da cidade de Keighley, que fica perto de Bradford, havia sofrido vários ferimentos em momentos diferentes, incluindo uma fratura na canela causada por "torção forte".

No dia da morte de Star, em setembro de 2020, ela foi encontrada, sem vida e pálida, no apartamento das mulheres em Keighley, West Yorkshire, e declarada morta no hospital. Uma autópsia revelou que as causas prováveis do óbito foram agressões por socos, chutes ou pisadas.

Leia Também

Como evidência, membros da família da bebê disseram que começaram a notar hematomas e marcas no corpo de Star depois que a mãe da criança entrou em um relacionamento violento com a "dominadora e controladora" Savannah.

A dupla documentava o abuso em fotos e vídeos, às vezes enviando clipes da criança "exausta", com efeitos visuais e música de fundo cômica, para as redes sociais.

Falando fora do tribunal após os veredictos, o bisavô de Star, David Fawcett, disse que Smith foi coagida, intimidada, abusada e "submetida a uma lavagem cerebral" pela mulher mais velha.

Em rede social, o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, compartilhou uma notícia sobre o caso, que chamou de "chocante e comovente".

"Devemos proteger as crianças desses crimes bárbaros e garantir que as lições sejam aprendidas", disse em publicação.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários