Tempestades causaram inundações e deslizamentos
Reprodução
Tempestades causaram inundações e deslizamentos

Ao menos 25 pessoas morreram após inundações no estado de Kerala, Sul da Índia, desde sexta-feira. Rios transbordaram, casas foram destruídas e cidades e vilarejos ficaram isolados. Há cinco crianças entre os mortos e o número de vítimas pode aumentar, já que há moradores ainda desaparecidos.

Os distritos de Kottayam e Idukki são os mais afetados da região pelas chuvas fortes que começaram há quatro dias e já causaram deslizamentos de terra fatais enquanto as cheias dos rios destruíram pontes entre pequenos vilarejos.

O ministro-chefe de Kerala, Pinarayi Vijayan, informou neste domingo que milhares de pessoas foram evacuadas e pelo menos 100 abrigos foram montados na região. Exército, Marinha e Força Aérea estão ajudando nas operações de resgate. O primeiro-ministro, Narendra Modi, manifestou no Twitter suas condolências pelas vítimas e disse que as autoridades estão trabalhando para auxiliar aqueles que foram afetados.

Conforme a agência AFP, o Departamento Meteorológico da Índia informou que as fortes chuvas, causadas por uma área de baixa pressão entre o sudeste do Mar Arábico e Kerala, devem diminuir nesta segunda-feira. A condição, porém, deve migrar para o Norte do país nos próximos três dias, atingindo inclusive regiões de Uttarakhand e Himachal Pradesh, no Himalaia.

Em 2018, aproximadamente 500 pessoas morreram em Kerala, quando o estado foi devastado pelas piores enchentes que já atingiram a região em quase um século.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários