Mulheres muçulmanas na Índia
Reprodução AFP
Mulheres muçulmanas na Índia

A polícia indiana investiga se mulheres muçulmanas estão sendo 'leiloadas' na internet sem que elas mesmas saibam. Dezenas de mulheres aparecem 'à venda' em site na internet em um período em que cresce a islamofobia no país. As informações são da AFP .

Na última semana, mais de 80 mulheres foram expostas no GitHub, uma plataforma de software aberta, sob o título "Sulli deal of the day". "Sulli" é uma palavra depreciativa para se referir às mulheres muçulmanas.

A pilota de avião Hana Mohsin Khan disse à AFP que foi alertada por uma amiga de que estava sendo 'vendida'.

"A quarta foto era minha. Eles estavam literalmente me leiloando como sua escrava por um dia. Isso me dá arrepios. Daquele dia até hoje, estou em um estado constante de raiva", acrescentou.

O site GitHub informou que os usuários que colocaram mulheres a leilão tiveram suas contas suspensas por violação das políticas de assédio, discriminação e incitação à violência. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários