Modelo presa em Dubai alega ter sido forçada por magnata ucraniano a posar nua
Reprodução
Modelo presa em Dubai alega ter sido forçada por magnata ucraniano a posar nua

Uma das modelos que foram presas em  Dubai por atentado ao pudor - ao participar de um ensaio fotográfico sem roupas na varanda de um apartamento - revelou que foi obrigada a realizar as fotos pelo magnata ucraniano Vitaly Grechin .

Irina Sotulenko possui 23 anos e enviou áudios e vídeos para o namorado antes de ir para a cadeia . Nas conversas, a modelo disse que Vitaly ameaçou "não pagar ela e as demais contratadas" se o grupo não participasse do ato.

"Eu falei para eles: 'gente, estamos no país árabe , não vamos nos exibir'. Mas fomos forçadas a ir para a varanda, tiramos fotos e Deus sabe o que virá a seguir", disse a moça em uma das mensagens .


O advogado de Irina argumentaram que havia muita preocupação com o risco de deportação para a Ucrânia. No final da sessão de fotos, a modelo tentou embarcar para casa, mas acabou presa no aeroporto.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários