Irlanda entra em lockdown por pelo menos 1 mês
Reprodução: iG Minas Gerais
Irlanda entra em lockdown por pelo menos 1 mês

Em pronunciamento ao público nesta quarta-feira (30), o primeiro-ministro da Irlanda Michael Martin informou que o país retornará ao nível 5, fase mais restritiva das atividades, em decorrência ao aumento de casos do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

O político declarou que a situação é "extremamente grave" devido a nova variante do vírus da Covid-19 , que surgiu após mutações, e segundo autoridades sanitárias, pode ser 70% mais transmissível. "Está se espalhando a uma taxa que ultrapassou os modelos mais pessimistas disponíveis para nós", declarou Martin.

Na fase 5, os irlandeses devem ficar em casa. As únicas excessões são viagens a trabalho e educação. No país, apenas serviços essenciais ficarão abertos, e exercícios ao ar livre estão permitidos desde que sejam feitos a um raio de 5 quilômetros de sua moradia.

Além disso, reuniões familares e sociais estão probidas . As excessões são casamentos, que podem ter seis convidados, e funerais, com 10 pessoas.

Apesar de declarar que o mês de j aneiro será "muito díficil para todos", o fim das restrições está próximo, já que a vacinação começou no país na última terça (29):

"Pela primeira vez desde que esta doença terrível pousou em nossas praias, realmente temos um fim em vista", afirmou. “Milhares de vacinas estão chegando aqui semanalmente e, no final de janeiro, estou confiante de que muitas dezenas de milhares de nossos cidadãos mais vulneráveis ​​e nossos profissionais de saúde terão sido vacinados”, finaliza Michael Martin

Nesta quarta, o país registrou 13 mortes e 1718 casos da doença. Desde o início da pandemia, a Irlanda teve 2.226 casos e 2226 óbitos . Apesar dos números relativamente baixos em comparação com outros países, nas últimas duas semanas quase 13 mil irlandeses testaram positivo para a Covid-19 .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários