Joseph Safra, considerado o homem mais rico do Brasil, morreu em 2020
Divulgação
Joseph Safra, considerado o homem mais rico do Brasil, morreu em 2020

O ano de 2020 foi conturbado com a pandemia de Covid-19 (Sars-CoV-2), que já matou mais de 1,5 milhão de pessoas em todo o mundoOutras doenças e problemas de saúde também vitimaram personalidades importantes que marcaram o Brasil e o mundo.

Na retrospectiva 2020 do iG , relembre alguns desses nomes, como Larry Tesler, criador do comando "copiar e colar", Ruth Bader Ginsburg , a juíza mais antiga da Suprema Corte dos Estados Unidos, e Joseph Safra , dono do Banco Safra. 

Janeiro

David Stern , empresário norte-americano que esteve no comando da National Basketball Association ( NBA ) entre 1984 e 2014 e trabalhou no fortalecimento e na internacionalização da liga. Ele faleceu aos 77 anos, quando não resistiu a uma hemorragia cerebral.

Qassem Soleimani , líder militar iraniano morto em um ataque aéreo americano em Bagdá, era um dos homens mais poderosos do Irã. Foi general da unidade especial da Guarda Revolucionária e era o cérebro por trás da estratégia militar e geopolítica do país.

Qaboos bin Said Al Said era o sultão de Omã desde 1970. Morreu aos 79 anos, em decorrência de um câncer.

Roger Scruton foi um filósofo britânico, conhecido pela sua ideologia conservadora. Autor de aproximadamente 50 livros , ele faleceu seis meses depois de descobrir um câncer.

Ronald Levinsohn , empresário brasileiro no ramo imobiliário e fundador do Grupo Delfin , morreu aos 84 anos por falência múltipla de órgãos.

Fevereiro

Daniel arap Moi , ex-presidente do Quênia , viveu por 95 anos e “morreu de maneira calma”, enquanto dormia, segundo sua família.

Marcelino dos Santos faleceu aos 90 anos. Ele foi líder histórico e representou uma figura central do governo de Moçambique no pós-independência.

Larry Tesler , cientista da computação estadunidense e criador do comando "copiar e colar" (CTRL C+CTRL V), morreu aos 74 anos. Ele chegou a ocupar o cargo de cientista-chefe da Apple, onde trabalhou por duas décadas.

Katherine Johnson , matemática negra que auxiliou a National Aeronautics and Space Administration ( NASA ) a ir para a Lua, morreu aos 101 anos. Ela ajudou a colocar em órbita a Apolo 11 e foi retratada no filme “Estrelas além do tempo”.

Hosni Mubarak , ex-presidente do Egito que foi deposto em 2011, morreu aos 95 anos. Ele havia sido submetido a uma operação e ficou um mês sob cuidados intensivos, de acordo com a TV pública do país.

Março

Gustavo Bebianno , ex-ministro do governo  Bolsonaro , morreu após se sentir mal durante a noite, aos 56 anos.

Bebianno foi ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República em 2019.
Valter Campanato/Agência Brasil
Bebianno foi ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República em 2019.



Jack Welch , que comandou a General Electric por duas décadas e a transformou na maior empresa de capital aberto dos Estados Unidos, viveu por 84 anos e morreu por insuficiência renal.

Javier Pérez de Cuéllar , ex-secretário geral da ONU , morreu por causas naturais aos 100 anos. 

Alfred Worden foi um astronauta norte-americano que orbitou a Lua na missão Apollo 15. Ele foi a óbito enquanto dormia, aos 88 anos.

Lila Covas , viúva de Mario Covas e avó do atual prefeito de São Paulo, faleceu de causas naturais aos 87 anos.

Abril

Luiz Flávio Gomes , deputado federal, morreu aos 62 anos em decorrência de uma leucemia.

Você viu?

James Beggs , ex-administrador da NASA , faleceu aos 94 anos por insuficiência cardíaca.

João Mellão Neto morreu aos 64 anos em São Paulo. Ele atuou como deputado e Ministro do Trabalho no ano de 1992.

Maio

Stanley Ho , considerado o rei dos cassinos de Macau, faleceu aos 98 anos.

Gilberto Dimenstein , que foi escritor e jornalista, morreu aos 63 anos vítima de um câncer de pâncreas.

Junho

Nevaldo Rocha , fundador do grupo Guararapes e dono da Riachuelo , morreu aos 91 anos após passar mal em sua residência.

Jean Kennedy Smith , última irmã de JFK que ainda estava viva, foi a óbito aos 92 anos.

Julho

Jairo Ribeiro de Mattos , ex- deputado estadual de São Paulo, faleceu vítima de um acidente vascular cerebral (AVC) aos 89 anos.

Agosto

John Hume , premiado com o Nobel da Paz pelo seu papel na reconciliação da Irlanda do Norte, “faleceu durante a madrugada após uma curta doença", informou a família. Ele tinha 83 anos.

Pedro Casaldáliga , bispo emérito de São Félix do Araguaia e um dos maiores defensores dos direitos humanos no Brasil, morreu aos 92 anos, após problemas respiratórios.

O bispo Dom Pedro Casaldáliga ficou conhecido por suas posições políticas.
Divulgação/Servicios Koinonia
O bispo Dom Pedro Casaldáliga ficou conhecido por suas posições políticas.


Setembro

Ruth Bader Ginsburg , a juíza mais antiga da Suprema Corte dos EUA , morreu aos 87 anos por complicações de um câncer no pâncreas. Ela era conhecida por ser uma dura questionadora com tendência liberal. 

A juíza indicada para o cargo pelo presidente Bill Clinton e empossada em 10 de agosto de 1993.
Reprodução/Alamy
A juíza indicada para o cargo pelo presidente Bill Clinton e empossada em 10 de agosto de 1993.

Quino foi um cartunista argentino criador de Mafalda . Ele morreu aos 88 anos, o artista sofreu complicações após um acidente vascular cerebral (AVC).

Outubro

James Randi , morreu de causas naturais aos 92 anos. Ele foi um conhecido mágico e cético canadense.

Lee Kun-hee , presidente que transformou a Samsung em uma gigante da tecnologia, morreu aos 78 anos. Ele sofria de problemas cardíacos.

Novembro

Jerry Rawlings , militar e ex-presidente de Gana, faleceu aos 70 anos depois de uma curta doença. 


Dezembro

Tabaré Vázquez foi presidente do Uruguai e morreu aos 80 anos por conta de um câncer pulmonar.

Joseph Safra , dono do Banco Safra, considerado o homem mais rico do Brasil, morreu aos 82 anos de causas naturais.

*Estagiária supervisionada pela Equipe de Último Segundo

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários