Donald Trump teria ligado para o governador da Geórgia
Shealah Craighead/Official White House
Donald Trump teria ligado para o governador da Geórgia

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, teria ligado para o governador da Geórgia, Brian Kemp, no último sábado (5), para fazer pressão para que ele convencesse os legisladores estaduais a anular a vitória do presidente eleito Joe Biden no estado. As informações foram reveladas pelo jornal 'The Washington Post'.

Durante o telefonema, Trump teria pedido a Kemp a convocação de uma sessão especial. Além de anular o resultado das urnas, ele teria sugerido também que os legisladores estaduais selecionassem novos representantes para o colégio eleitoral local, que votariam em candidatos republicanos.

Biden venceu a Geórgia por mais de 12.000 votos. Ele é o 1º candidato presidencial democrata a vencer no estado em quase 30 anos. Kemp certificou os resultados da vitória de Biden no dia 20 de novembro, após uma auditoria estadual.

Apesar da tentativa de interferência irregular, segundo o jornal, o governador explicou que não tinha autoridade para pedir tal auditoria e negou o pedido para convocar uma sessão especial.

O porta-voz de Kemp, Cody Hall, confirmou que o governador falou com o presidente. Quando questionado sobre a conversa, apenas afirmou que Trump ofereceu condolências pela morte de Harrison Deal, funcionário da campanha de Kemp.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários