A obra faz parte de um edifício ornamentado do século XX, na Espanha
Repodução Facebook
A obra faz parte de um edifício ornamentado do século XX, na Espanha

Uma obra de arte que faz parte de um edifício ornamentado do século 20, na cidade de Palência , na Espanha , passou por restauração e ficou completamente deformada. O monumento , que antes mostrava o rosto de uma mulher sorrindo foi substituído por um semblante totalmente diferente, ficando irreconhecível. As informações são do UOL .

O artista Antonio Gusmán Capel postou as imagens da restauração em seu perfil de rede social, que logo viralizaram. "Parece a cabeça de um personagem de desenho animado", escreveu ele.

Na web, os internautas compararam a imagem com o rosto do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e até com um dos Sand People, de Star Wars.


Você viu?


Restaurações desastrosas na Espanha

De acordo com Gusmán Capel, agora, a cidade de Palência pode competir com outra restauração desastrosa feita também na Espanha e que ganhou destaque nas redes sociais em 2012, chamada de "Cristo Macaco". O acontecimento se deu na cidade de Borja , quando uma devota decidiu restaurar a obra Ecce Homo, de Elías García Martínez.

Já na cidade de Estella , em 2018, uma tentativa de renovar a estátua de São Jorge, do século 16, deixou o rosto rosado e pintou a armadura do santo de vermelho e cinza. O trabalho foi feito por um professor de artesanato a pedido das autoridades paroquiais da Igreja de São Miguel.

A última vítima do país foi em junho deste ano. Um colecionador de arte em Valência pagou a um restaurador de imóveis para limpar um quadro da Imaculada Conceição, no entanto, no fim, o rosto da Virgem Maria ficou borrado e irreconhecível, mesmo após duas tentativas de restaurá-lo ao seu estado original.

A Associação Profissional de Restauradores e Conservadores da Espanha disse que, para eles, a restauração de Palência não é uma restauração profissional, e sim um exemplo da necessidade de treinamento, proteção e investimento adequados às obras de arte.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários