Simone Barreto Silva tinha 44 anos e foi uma das vítimas do atentado terrorista à basílica de Nice%2C na França
Divulgação/ Lavage de la Madeleine
Simone Barreto Silva tinha 44 anos e foi uma das vítimas do atentado terrorista à basílica de Nice, na França

Uma brasileira de 44 anos foi uma das vítimas do atentado à basílica de Notre-Dame de Asunção nesta quinta-feira (29) em Nice , na França . Simone Barreto Silva era natural de Salvador, na Bahia, morava no país 30 anos e deixa três filhos. A informação foi confirmada pelo Consulado Geral do Brasil em Paris.

Informações da CNN Brasil mostram que o Ministério das Relações Exteriores também confirmou a morte. Por meio de nota, o Itamaraty, disse que o governo brasileiro informa, com grande pesar, que uma das vítimas fatais era uma brasileira de 40 anos, mãe de três filhos, residente na França".

"O presidente Jair Bolsonaro, em nome de toda a nação brasileira, apresenta suas profundas condolências aos familiares e amigos da cidadã assassinada em Nice, bem como aos das demais vítimas, e estende sua solidariedade ao povo e governo franceses", afirmou o órgão.

Segundo uma prima de Simone, ela foi ferida com uma faca e morreu num restaurante quase em frente à catedral, onde tinha tentado se refugiar. Um dos proprietários desse restaurante, chamado l’Unik, disse que a vítima chegou ao local completamente ensanguentada e em estado de choque.

"Ela atravessou a rua, toda ensanguentada, e meu irmão e um dos nossos funcionários a resgataram, a colocaram no interior do restaurante, sem entender nada, e ela dizia que havia um homem armado dentro da igreja", afirmou Brahim Jelloule, que é o dono do restaurante, à TV France Info .

Jelloule é muçulmano e disse que ficou chocado com o atentado. "Isso não é o Islã. Eu conheço o Corão de cor, e não é isso que ele prega", lamentou.

    Veja Também

      Mostrar mais