Joe Biden, candidato dos Democratas
Reprodução/Facebook
Joe Biden, candidato dos Democratas

Joe Biden , candidato democrata  à presidência dos Estados Unidos afirmou nesta sexta (23) que caso vença a eleição no dia 3 de novembro disponibilizará a vacina contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2) gratuitamente.



Biden fez um pronunciamento detalhando seu plano para combater o vírus em solo americano. O discurso acontece um dia após o último debate entre ele e Donald Trump antes da eleição no país, realizado na noite de quinta(22).

"Ainda levará muitos meses até que uma vacina esteja amplamente disponível", afirmou Biden, que completou: "Ela deve ser de graça para todos".

Ainda durante pronunciamento, o democrata disse que criará um plano para fornecer equipamentos de proteção individual para todos os americanos, para não depender apenas de exportações da China.

Sobre uma plena reabertura econômica , Biden foi mais cauteloso, prometendo fornecer orientações confáveis para que isso ocorra em segurança:

"(após todos os cuidados) Então, poderemos levar nossos filhos de volta à escola com segurança, nossos negócios crescendo e nossa economia funcionando novamente, sem perder mais um minuto".

Por fim, deu uma forte declaração sobre a pandemia que já matou 229 mil estadunidenses:

"Não vou fechar a economia, vou acabar com o vírus".

No debate da última quinta, Joe Biden teceu críticas fortes contra a condução de Trump à frente da pandemia de Covid-19:

"Um presidente responsável por tantas mortes não pode permanecer no poder. O presidente Trump mentiu e mente para o país. As pessoas continuam morrendo. Esse é o mesmo sujeito que disse que tudo terminaria na Páscoa", indagou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários